Arquivo da tag: motos

Brutale 1090RR ABS, F4 RR ABS, Brutale 800, F3 800 e Rivale 800 estarão expostas no Salão Duas Rodas

A MV Agusta Brasil confirmou o lançamento de cinco motocicletas no País, sendo que duas delas já estarão disponíveis a partir de outubro. Os modelos Brutale 1090 RR ABS, F4 RR ABS, Brutale 800, F3 800 e Rivale 800 ficarão expostos no Salão Duas Rodas, que acontece entre os dias 8 e 13 de outubro, em São Paulo.

“Para nós este é um momento muito importante, pois iniciaremos uma sequência forte de lançamentos, atualizando toda a linha MV disponível no País, o que significa não só novidades em design, mas em tecnologia, novos atributos e equipamentos de segurança”, explicou Marcus Vinícius S. Santos, gerente de operações da MV AGUSTA Brasil.

Tanto a Brutale 1090 RR ABS quanto a F4 RR ABS Ride by Wire, importada, estarão disponíveis na rede de concessionárias já neste, sendo acompanhadas pela Brutale 800 em março, a esportiva F3 800 em abril e a Rivale 800 em julho. A nova F4 RR ABS será produzida em Manaus a partir de março de 2014.

Exceto a Brutale 1090RR ABS e a F4 RR ABS, que terão seus preços divulgados no Salão Duas Rodas, os valores das demais motocicletas serão informados apenas à época dos respectivos lançamentos.

F4 RR ABS Ride by Wire:

foto-imagem-F4-RR

Brutale 1090 RR ABS:

foto-imagem-brutale-1090

F3 800 2014:

foto-imagem-F3-800

Brutale 800 2014:

foto-imagem-brutale800

Rivale 800 2014:

foto-imagem-rivale-800

 

 

 

 

Resolução do Contran – Placas Refletivas e Motorista gastará mais

Resolução do Contran obriga uso de placas refletivas em veículos e motorista gastará mais

Quem pretende comprar um carro novo ou fazer a transferência de veículo de uma cidade para outra terá que mexer no bolso. O gasto extra é de médios R$ 100 por veículo.
Depois de 1º de abril, o gasto adicional será obrigatório para mudar as placas dos veículos. O Contran (Conselho Nacional de Trânsito) adiou de 1º de janeiro para essa data o prazo que torna obrigatório o uso de placas refletivas em carros. A mudança vale para carros licenciados a partir da data em que a resolução entra em vigor e para quem transferir a placa do carro para outra cidade ou estado depois desse prazo.

Hoje, além do IPVA, licenciamento e DPVAT, o motorista paga R$ 70,99 por uma placa comum em Ribeirão Preto, ao adquirir um veículo novo. Já a placa refletiva custará até R$ 110 o par, segundo apurou a reportagem nesta quarta-feira (18). A diferença é de R$ 39 e o motorista pagará 55% a mais na placa obrigatória, na comparação com a atual.

A película refletiva já é obrigatória para veículos de três e duas rodas, conforme estipulado pelo Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), em 2007.
Segundo o Denatran, foi observada uma mudança no número de acidentes de motos por conta do uso das placas refletivas nesse tipo de veículo, fator que motivou também o emplacamento de carros.

Mais segurança

Para André Meireles, gerente de um despachante na Rua Garibaldi, no Centro, os motoristas ainda não sabem da mudança das regras e optam pela placa por questão de “estética”. “Por enquanto, mesmo que não seja obrigatória, a adesão dos motoristas por esse tipo de placa ainda é pequeno”, disse. As mudanças valerão apenas para novos emplacamentos.

Fonte: Jornal A Cidade

 

IPVA mais barato em 2011 – Carros usados pagarão menos Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores

Situação ocorre devido à queda do valor de mercado dos veículos; retração foi de 12% neste ano

Números a ser divulgados pela Secretaria da Fazenda do Estado devem apontar que os donos de carros e motos usados devem pagar menos IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) em 2011. A tabela final da Fazenda está sendo elaborada com base na pesquisa de preços da Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) e deverá ser concluída nesta quinzena.

No caso dos carros, os valores devem cair em torno de 7%. A queda do valor do IPVA das motos será de 9%. A situação ocorre devido à redução média do preço dos usados no mercado, de 12,2%, impactando diretamente na queda do valor do imposto.

Além das motos e carros, donos de ônibus, caminhões e utilitários também vão pagar menos imposto em 2011. A redução média global – calculada a partir da média de tipos de veículos – deve oscilar entre 5% e 10%. A redução é menor do que a ocorrida de 2009 para 2010, quando os valores diminuíram 12,2% para carros de passeio e motos.

As formas de pagamento continuam as mesmas. A data ainda não foi definida, porém, quem optar por pagar o imposto em janeiro, à vista, terá desconto de 3%. Outra forma é deixar para pagar o valor total à vista, só que em fevereiro, sem desconto. Se preferir, pode-se dividir em três parcelas, que vencem em janeiro, fevereiro e março.

Descontão

O governo do Estado informou ontem que 314 mil consumidores utilizaram os créditos da Nota Fiscal Paulista para abater o valor devido do IPVA. Foram destinados R$ 57 mi indicados para 268 mil veículos – a diferença ocorre pois um consumidor pode indicar um carro que não é seu para ter o benefício.

O resgate dos valores foi concluído no domingo.

Carros mais roubados – Veja os 10 veículos mais furtados no semestre de 2010 – Gol é o carro mais roubado no Brasil

Carros mais roubados – Veja os 10 veículos mais furtados no semestre de 2010

VW Gol lidera ranking de confederação de seguradoras.
Entre motos, Honda CG 125 é que mais foi alvo desses crimes.

O Volkswagen Gol é o veículo mais roubado/furtado no Brasil durante o primeiro semestre, aponta estudo da Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais (CNSeg). Para estabelecer o ranking, a entidade se baseia no banco de dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

O estudo mostra que 191.347 carros, motos, caminhões e ônibus foram alvos desses tipos de crime, com registro da ocorrência entre janeiro e junho (média de 1.057 veículos furtados ou roubados por dia). Na lista dos dez mais há sete carros e três motos; entre elas, a Honda CG 125 lidera. O levantamento reúne todos os modelos de cada veículo, por exemplo, do Gol.

De acordo com o Denatran, a frota total de veículos automotores no país em abril era de 61.014.812. Veja abaixo os dez veículos mais roubados/furtados no semestre, o percentual de cada um sobre o total de veículos roubados/furtados no período e a frota nacional de cada veículo.

Fonte Auto Esporte

Carteira de Habilitação de Graça no Nordeste

Interessados têm de provar que não têm renda para pagar autoescola.
Medida visa diminuir número de motociclistas fora da lei e sem preparo.

No Nordeste, carteiras de habilitação estão sendo oferecidas de graça, mas só para quem fez os cursos. É uma tentativa de diminuir o número de motociclistas fora da lei e sem preparo.

O desempregado Almir Gabriel dos Santos já tem moto, mas este teste ele nunca fez. Desempregado, não tem condições de pagar os R$ 600 da autoescola. “Aí aumentaram também as aulas e mais o dinheiro. Está muito caro”, diz Santos.

Uma concessionária de Fortaleza chega a vender sete motos por dia do modelo mais barato. Ela pode ser adquirida por 48 prestações de R$ 215, sem entrada. Tanta facilidade tem atraído todo tipo de consumidor.

O problema é que a quantidade de motos cresce mais que a de habilitações e isso, segundo o Detran, está relacionado ao alto índice de acidentes envolvendo estes veículos. A ideia é regularizar a situação dos motociclistas para melhorar o trânsito.

O Detran do Ceará vai distribuir 42 mil habilitações de moto para moradores de Fortaleza e região metropolitana. Em uma semana 10 mil pessoas se inscreveram. No ano passado, no interior, onde os flagrantes de imprudência sobre duas rodas são mais comuns, foram entregues 25 mil.

Em Pernambuco, o primeiro lote dos contemplados está no site do Detran. São 9.500, do total de 14 mil que vão poder fazer de graça a CNH. Mais de 150 mil pessoas se inscreveram pela internet para recebê-las.

Para ser contemplado é necessário comprovar que não tem renda para pagar uma autoescola e fazer o mesmo processo de aulas e provas para percorrer as ruas com responsabilidade.

“As pessoas têm acesso a aulas de legislação, de meio ambiente, de cidadania, têm as aulas práticas também que o cidadão vai se familiarizar com o veículo. Com isso, as pessoas adentram nas vias com mais conhecimento e, realmente, como têm que proceder”, afirma o diretor de habilitação do Detran, João Bezerra.

Fonte: G1

Radares irão multar carro sem inspeção em SP

Quase um quarto da frota esperada não compareceu à vistoria obrigatória

Em 2010, o Programa de Inspeção Veicular Ambiental atingirá toda a frota paulistana, calculada em 6,5 milhões de veículos. Do 1,9 milhão de automóveis e motocicletas matriculados em São Paulo que deveriam ter passado pela inspeção ambiental em 2009, cerca de um quarto ainda não compareceu à vistoria obrigatória. O prazo para a regulamentação foi estendido até o fim deste mês. Após essa data, carros, motos, ônibus e caminhões em situação pendente terão o licenciamento bloqueado e podem levar quatro multas mensais de R$ 550.

A fiscalização será feita também pelos radares que “leem” placas e “deduram” infratores do rodízio municipal de veículos, responsáveis por 27% das infrações de trânsito, que somam cerca de 600 mil mensais. O Programa de Inspeção Veicular Ambiental vem sendo implantado gradativamente em São Paulo, desde 2008 e 2009 e terá novidades em 2010.

A Inspeção Veicular Ambiental é uma necessidade imediata para melhorar a qualidade de vida do paulistano. Está prevista por lei e todos os procedimentos adotados são aqueles preconizados pelo CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente) em sua resolução número 7.

Diante da abrangência nacional de caráter obrigatório, o peso do subsídio e a implantação integral do programa na cidade, a Prefeitura de São Paulo vai suspender a devolução da tarifa da inspeção em 2010.

Fonte: G1

Radares vão multar falta de inspeção veicular em São Paulo

Inspeção é obrigatória para toda a frota a partir deste ano.
Checagem do nível de poluição do veículo deve ser feita até o dia 30.

Motoristas de São Paulo que não fizerem a inspeção veicular ambiental poderão ser multados por radares a partir de março. A medida deve integrar um convênio a ser firmado entre as secretarias municipais do Verde e do Meio Ambiente e dos Transportes para ampliar a fiscalização. A inspeção veicular é obrigatória para toda a frota da capital a partir deste ano.

A data para o início da fiscalização por radar foi anunciada na sexta-feira (8) pelo secretário municipal do Verde e do Meio Ambiente, Eduardo Jorge. “É provável que em março isso já esteja funcionando”, afirmou. Segundo o secretário, o objetivo é ampliar a eficiência da fiscalização e “alcançar mais pessoas” que não fizeram a inspeção. “Não é justo que uma pessoa faça a inspeção e o vizinho dela não faça.”

Leitura automática

Os dados capturados nas ruas pelo sistema de leitura automática de placas serão cruzados com informações das inspeções veiculares. Dos 494 radares da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) em operação, há 145 com o sistema.

A lei municipal que criou a inspeção prevê multa de R$ 550 ao proprietário do veículo que for flagrado trafegando irregularmente. Além da multa, a legislação prevê bloqueio do licenciamento do veículo que perder o prazo da vistoria obrigatória.

Prazos

A inspeção pode ser feita até o dia 30 deste mês. Quem não for aprovado até esta data terá o licenciamento de 2010 bloqueado. A emissão do boleto e o pagamento da taxa de R$ 56,44 devem ser feitos até o dia 26.

De acordo com os dados da secretaria, 1.424.559 veículos fizeram a inspeção em 2009, o que corresponde a 74,66% da frota alvo estimada de São Paulo, composta por 1.907.951 veículos.

Esse total inclui veículos a diesel, motos e carros fabricados entre 2003 e 2008, já que apenas esse grupo era obrigado a fazer a inspeção em 2009.

Veja os centros de inspeção veicular em São Paulo:

Pirituba: Av. Raimundo Pereira de Magalhães, 11.701, zona norte

Cidade Dutra: Av. Irmã Dulce, 200, zona sul

Parque do Estado: Rua Alexandre Aliperti, 351, zona sul

Itaquera: Rua Sabbado D’Angelo, 1.300, zona leste

Aricanduva: Avenida Aricanduva, 8.095, zona leste

Parque São Jorge: Avenida Condessa Elizabeth de Robiano, 1.822, zona leste

Jaguaré: Avenida Engenheiro Billings, 2.100, zona oeste

Anchieta: Rua Francisco Bautista, 163, zona sul

São Miguel: Rua Cembira, 422, zona leste

Barra Funda: Rua Gustav Willi Borghoff, 450, zona oeste

Fonte: G1