Arquivo da tag: EXL

HONDA CITY CHEGA À LINHA 2016 MAIS EQUIPADO E NOVA CENTRAL MULTMIDIA COM NAVEGADOR GPS

foto-imagem-honda-city

A Honda apresentou a linha 2016 do City, que chega às lojas da marca no próximo mês de fevereiro. Sem qualquer alteração visual, o sedã ficou mais equipado em todas as versões, com destaque para os seis airbags da versão topo de linha EXL. Os preços do modelo ainda não foram divulgados.

Desde a versão mais básica, DX, o City adota chave canivete, para-brisa degradê, ajuste de profundidade da coluna de direção, painel de instrumentos e visor do rádio com iluminação branca e retrovisores na cor da carroceria. Em seguida, a LX ganha comandos de áudio no volante e maçanetas internas cromadas.

As principais novidades, no entanto, estão para as configurações mais caras do sedã. O City EX passa a ter volante revestido em couro e apoio de braço dianteiro com porta-objetos. Já a topo de linha EXL ganha airbags de cortina, totalizando seis bolsas de proteção além das quatro laterais e frontais, e uma nova central multimídia com tela de 7 polegadas sensível ao toque com conexões Bluetooth, Wi-Fi, USB, auxiliar e micro SD. O novo sistema reproduz ainda a imagem da câmera de ré e, enfim, adiciona navegador GPS (inexistente na linha 2015).

foto-imagem-honda-city

No mais, todas as versões são equipadas com acionamento elétrico dos vidros, das travas e dos retrovisores externos, ar-condicionado (manual para DX e LX e digital touchscreen para EX e EXL), direção elétrica e ancoragem ISOFIX e LATCH para cadeirinhas infantis. O modelo permanece com o mesmo conjunto mecânico. O motor é o 1.5 i-VTEC FlexOne de até 116 cv de potência e 15,3 mkgf de torque, enquanto a transmissão é manual de cinco marchas para a versão DX e automática CVT para as demais – apenas a EX e a EXL têm aletas atrás do volante para trocas manuais.

foto-imagem-honda-city

 

Fotos Nova versão do Civic – Modelo LXL o intermediário da linha

A Honda anunciou nesta quarta-feira (14) uma nova versão para o sedã Civic, a LXL. O preço dessa nova versão parte de R$ 66.405. As outras versões tiveram os preços reduzidos, em uma tentativa de diminuir a diferença para o Toyota Corolla, que fechou 2009 em primeiro lugar no ranking de vendas do segmento.

Com câmbio manual e sem bancos de couro, a nova versão está posicionada entre a LXS, que agora custa R$ 65.750, e a EXL (topo de linha), que sai por R$ 85.610. A Honda afirma que 75% da produção do Civic passará a ser da configuração LXL, 15% da versão LXS, 5% da opção EXS e 5% será da versão esportiva do modelo Si.

De fábrica, a novidade traz rodas de 16 polegadas exclusivas, volante com acabamento prata e controle de áudio, abertura do porta-malas pela chave e dois alto-falantes de tons agudos (twitters). A versão LXL poderá vir com revestimento em couro dos bancos, por R$ 68.085, com câmbio automático, por R$ 71.540, e com ambos por R$ 73.200.

A marca japonesa aproveita o lançamento da nova configuração para estrear a direção elétrica progressiva, que a Honda chama de EPS, e um novo ar-condicionado, que segundo a fabricante, é mais eficiente, consome menos potência e ajuda na redução do consumo de combustível. Esses novos equipamentos também serão oferecidos nas outras versões do sedã.

Todas os modelos do Civic trazem de série freios com ABS (antitravamento das rodas) e EBD (distribuição da força de frenagem), barra de proteção nas portas, banco do motorista com regulagem de altura, ar-condicionado, direção hidráulica, trio elétrico e airbag para motorista e passageiro. Sob o capô está o motor 1.8 16V flex, de 140 cv com álcool.

Fonte: G1