Arquivo da tag: cupe

Carro híbrido mais barato do mundo

Preço estimado do modelo nos Estados Unidos é de R$ 17 mil.
Versões hatch e cupê terão o mesmo espaço de um Mini Cooper.

O homem mais rico da Rússia, Mikhail Prokhorov, e o Grupo Onexim revelaram imagens do primeiro carro híbrido russo, o “People’s Hybrid” (híbrido popular) que pretende ser o veículo mais barato do mundo dotado da tecnologia.

A novidade foi desenvolvida em parceria com a fabricante russa de caminhões Yarovit e é equipada com um motor elétrico em cada roda e outro a combustão. De acordo com os responsáveis pelo projeto, o carro será oferecido nas versões hatch e cupê e terá tanto espaço quanto um Mini Cooper.

O preço do modelo, fabricado na Rússia, está estimado nos Estados Unidos em US$ 10 mil (R$ 17,156, sem impostos e taxas de importação) e um protótipo é aguardado para dezembro deste ano.

A Honda também quer o título de híibrido mais em conta do mercado e anunciou para o Japão o Fit Híbrido pelo equivalente a R$ 32 mil. Nos Estados Unidos, o modelo será oferecido em 2011 por US$ 19.310.

Fonte: G1

Fotos e Imagens do Mercedes CLS

Modelo ganha novo visual e motorização para lançamento no Salão de Paris

Vazaram na internet as imagens do Mercedes–Benz CLS. O novo cupê de quatro portas tem grade dianteira cromada e painel frontal mais agressivo. O design do farol se manteve intacto, mas as luzes de LED de destacam e o diferenciam da versão anterior. É certamente mais elegante que o modelo antigo.

No interior, o CLS continua a utilizar a sua disposição de quatro lugares, com um console central que se estende por toda a extensão da cabine. O modelo tem um novo motor de 3.5 V6 e injeção eletrônica, bem como um V8 twin-turbo de 4.6 litros bom para cerca de 430 cavalos e 71.3 kgfm de torque. A versão AMG não estará muito longe, com o totalmente novo V8 5.5 litros twin-turbo sob o capô.

O novo Mercedes CLS será lançado oficialmente no Salão de Paris, em setembro.

Fonte: AutoEsporte

Fotos Murciélago LP-670-4 SuperVeloce que chega ao Brasil

Esportivo da Lamborghini atinge 342 km/h e custa R$ 2,7 milhões

A importadora Platinuss anuncia a chegada de apenas uma unidade do Lamborghini Murciélago LP-670-4 SuperVeloce. O único exemplar que dsesembarcou no pais será disputado por endinheirados que estejam dispostos a desembolsar R$ 2,7 milhões pelo superesportivo.

Apresentado no Salão de Genebra (Suíça), em março do ano passado, o carro é um dos mais agressivos já produzidos pela marca italiana. Com carroceria pintada de preto fosco e interior da mesma cor, o cupê vem equipado com motor V12 6.5, que gera 670 cavalos de potência. Segundo a montadora, sua relação peso potência é de meros 2,3 kg por cavalo. Com isso, o SuperVeloce chega aos 100 km/h em 3,2 segundos e pode atingir nada menos que 342 km/h.

Segundo Natalino Bertin Junior, presidente da Platinuss, o modelo é referência em esportividade. “Essas mudanças feitas no  SuperVeloce em relação ao LP-640-4 ‘convencional’ forma uma excepcional combinação de desempenho, precisão, velocidade e estabilidade”.

Fonte: G1

Nissan 370Z: a saga continua

Uma volta rápida no herdeiro da dinastia Z de esportivos japoneses

fotos-imagens-nissan-370z

Nem todo mundo curtiu a versão conversível do Nissan 350Z, lançada há cinco anos. Mas o 370Z tem tudo para agradar. Com linhas sinuosas e bem balanceadas, o carro conta com a maior parte do volume na traseira. Além disso, a capota está bem melhor. E o interior mais agradável. Os principais ganhos: mais força, menos peso e preço quase igual ao da geração anterior. Agora resta esperar pela sua chegada ao mercado brasileiro, talvez no ano que vem, pelo menos como chamariz no estande da marca japonesa no próximo Salão do Automóvel, em São Paulo, entre os dias 28 de outubro de 7 de novembro.

fotos-imagens-nissan-370z-traseira

O 370Z passou a ser feito pela empresa européia Magna e sua qualidade melhorou a olhos vistos. A capota anterior vai parecer um capacete de futebol americano em comparação a essa nova. O acabamento está bem mais caprichado e o visual mais harmônico e de bom gosto. Até as proteções para cabeça, bem atrás dos encostos dos bancos também acompanham toda essa boa aparência. Os assentos com ventilação e aquecimento são de série, mas o sistema de refrigeração se mostrou um tanto barulhento.

fotos-imagens-nissan-370z-painel

A rigidez torcional também evoluiu, com mais eficiência nas curvas, ajudando no trabalho da suspensão montada na nova estrutura do esportivo. Além disso, passando por obstáculos como tampas de bueiro e valetas, fica claro que o carro ficou mais resistente e sólido. O motor de 332 cavalos é outro destaque, entregando toda essa potência de maneira progressiva. E o câmbio manual de seis marchas parece mágico. Pise na embreagem e reduza que ele faz um “punta-taco” automaticamente, parecendo que um Schumacher está ao volante.

fotos-imagens-nissan-370z-comandos

Os pilotos de 350Z vão se sentir bem mais leves. O 370Z ainda é robusto, porém mais balanceado. O barulho do vento é menor, tornando possível conversar até o ponteiro do velocímetro atingir cerca de 115 km/h. Defeitos? Alguns. O novo motor 3.7 parece mais áspero, sem a suavidade de funcionamento do 3.5 que foi substituído. E a visualização do computador de bordo é sofrível. Quem busca mais desempenho ficará com a versão cupê, mais leve e com estrutura mais rígida. Mas o conversível dá conta do recado e oferece o prazer de dirigir com vento batendo no rosto.

Fonte: Revista AutoEsporte