Arquivo da tag: coupé

Vendas de carros em época de COVID19 – Carro seminovo fica até 27% mais caro

 

A pandemia do novo coronavírus afetou toda a cadeia automotiva durante os últimos meses. A venda de carros, por exemplo, caiu 67,03% em abril, comparado a março.

No entanto, esta não foi a única mudança que atingiu o mercado de veículos. Veja o que aconteceu através dos estudo feito pela parceira KBB Brasil, consultoria especializada em precificação de carros, durante a crise da Covid-19.

De acordo com o levantamento, os veículos seminovos (com até dois anos de uso) estão se valorizando durante a quarentena.

Além disso, os zero-quilômetro, que embora tenham valores maiores no papel devido ao dólar estar quase R$ 6, na prática, com adição de todos os bônus e descontos, apresentam leve desvalorização.

A análise feita abrangeu a variação diária de preços no período de 14 de março a 30 de abril – ou seja, da última quinzena antes das medidas restritivas até o fim do primeiro mês de isolamento.

Foram coletadas informações de 22.440 versões de veículos zero-quilômetro e com até dois anos de uso, separados em dez categorias: Coupe, Furgão, Minibus, Hatchback, Minivan, Roadster, Sedan, SUV e Station Wagon.

Analisando o saldo total dos quatro segmentos mais emplacados do Brasil, pode-se observar uma tendência média de alta entre os modelos seminovos.

A categoria picapes registrou a maior variação frente as outras três, com 1,43% de alta no saldo total do período. O crescimento dos hatches, segmento que lidera o ranking de vendas nacional, foi o segundo maior com elevação de 0,76%.

Os SUVs registraram um crescimento mais tímido com 0,03% no final do período, enquanto o segmento de sedãs teve queda de 1,13% em seus valores. Ainda assim, na média, a precificação das categorias destes veículos indicou alta de 1,09%.

De acordo com a KBB Brasil, a “tendência de valorização pode ser explicada pelo possível movimento de consumidores que estavam preparados para adquirir carros 0 km, mas, com a crise, estão mais cautelosos com o orçamento. Logo, modelos seminovos, com maior apelo entre custo e benefício, tornam-se mais vantajosos”

Um dos exemplos de alta durante o período é o Ford Ka SE Plus 1.0 2018, que registrou um aumento de 10% em seu valor durante o último mês.

Além do modelo da Ford, o Chevrolet Onix Plus seminovo também registrou crescimento em seu valor durante o período, ficando impressionantes 27% mais caro na versão intermediária LTZ 1.0 Turbo com câmbio automático.

A KBB Brasil ainda afirma que os veículos com quatro anos ou mais de uso sofreram forte depreciação no período. Segundo eles, esses veículos “acabam sendo liquidados com maior depreciação para cumprir com obrigações de caixa.”

O destaque foi do segmento hatchback, que registrou crescimento de 5,39% no saldo total do período. A categoria picape veio logo em seguida, com valorização de 0,9%. Os SUVs registraram elevação mais contida, 0,09%, enquanto os sedãs, novamente, apresentaram queda de 1,13%.

O principal motivo para o aumento é o repasse da elevação de custos de produção durante a pandemia, segundo a KBB Brasil.

“Em relação aos modelos 0 km, a tendência é a de que os preços aumentem, pois grande parte da cadeia de fornecimento da indústria é cotada em dólar e a moeda americana está perto do patamar dos R$ 6. Observações preliminares já indicam forte acréscimo nos valores dos 0 km, já que será inevitável, neste momento, repassar a elevação dos custos de produção ao preço final”, analisou a KBB.

No entanto, pode-se observar também que três das quatro principais categorias vendidas no Brasil registraram desvalorização em seu valores especificamente no mês de abril.

De acordo com a KBB, tal desvalorização se deu nesse período porque “algumas montadoras e concessionárias conseguiram aplicar descontos em estoques adquiridos pré-crise, numa tentativa de manter as vendas aquecidas”.

Modelo Mercedes Classe C Coupe será maior e com desenho modificado em relação ao sedã

foto-imagem-mercedes-benz-c-class

Enquanto a versão sedã da Mercedes Classe C já está à venda as opções conversível e cupê ainda não tiveram suas datas de lançamento reveladas, mas, segundo a revista Auto Motor und Sport, a Classe C Coupe deverá chegar ao mercado em dezembro de 2015, provavelmente ao lado da opção sem teto fixo.

A publicação alemã diz ainda que o carro de apenas duas portas terá a carroceria com linhas retrabalhadas e será dez centímetros mais longa, cinco centímetros mais larga e menos de três centímetros mais baixa do que o sedã, deixando o modelo preparado para receber o tratamento da AMG em 2016.

Nenhuma informação sobre preço e motores foi ventilada ainda.

Honda civic si couper, Versão esportiva do modelo traz novos elementos visuais e motor de 205 cv

foto-imagem-honda-civic-si-coupe

Ao lado do novo Honda Civic Coupe, o novo Civic Si Coupe, sua mais esportiva, foi apresentado exibindo basicamente o mesmo porte e design adotados pelo Civic sedã, mas com algum tempero a mais. Além dos para-choques diferentes, maiores e mais marcados, e do capô com vincos mais acentuados, a grade do modelo foi redesenhada e parece integrada aos faróis. A traseira, por sua vez, incorporou difusor traseiro e a tampa do porta-malas recebeu um spoiler. O traje esportivo é arrematado por rodas de liga leve maiores, de 18 polegadas.

Quanto ao poder de fogo do carro, a montadora ainda faz segredo. Os números de desempenho serão revelados apenas no Salão de Los Angeles, no dia 20 de novembro. Por enquanto, a única confirmação é que debaixo do capô do Si Coupe foi adotado um motor quatro cilindros 2.4 que em conjunto com um sistema de exaustão especial garante uma potência total de 205 cv – 5 cv a mais que na versão convencional.

As chances de o modelo vir ao Brasil com o visual renovado é grande. Embora ainda não tenha confirmado, a Honda já sinalizou a intenção de trazê-lo na segunda metade do ano que vem.

Carro do campeão da UFC – Jon Jones compra seu primeiro automóvel de R$ 1 milhão


Duas semanas depois de garantir o cinturão dos meios pesados do UFC, o americano Jon Jones aproveitou para gastar o dinheiro ganhado com a vitória sobre Quinton “Rampage” Jackson no UFC 135. O lutador de MMA comprou seu primeiro carro, um Continental GT 2012, da Bentley, que custa cerca de R$ 1 milhão.

Jones colocou fotos no Twitter com o novo brinquedo e comentou como se sentiu com o primeiro possante.

“É o dia mais feliz da minha vida. Só não está com o meu logo ainda”, escreveu.

O Continental GT 2012 é um coupé esportivo de luxo, que tem uma potência de 575 cavalos e o torque é de 72 kgfm. Na pista, isso significa que o carro consegue atingir 318 km/h e precisa de apenas 4,6 segundos para acelerar de 0 a 100 km/h.

Fonte: Extra