Arquivo da categoria: Golf

O T-Roc é um SUV cupê derivado do Golf. O veículo é comercializado apenas na Europa

O Volkswagen T-Roc, que é um SUV cupê derivado do Golf, ganhou uma nova configuração: Cabriolet.

Isso mesmo, embora seja considerado um SUV, o veículo não perde seus traços esportivos e agora a Volkswagen deu a versão conversível ao modelo, assim como a Land Rover fez com o Evoque.

Para o chefe de projeto do veículo, Klaus Bischoff, “o T-Roc Cabriolet leva no design a experiência de liberdade na condução. Redefinimos a CUV como um produto de estilo de vida emotivo que combina poder e estilo de uma maneira única”, disse.

Pouco conhecido do público brasileiro, o T-Roc é vendido apenas na Europa. O SUV cupê já emplacou cerca de 360 mil unidades desde seu lançamento.

A nova versão é produzida sobre a plataforma do Tiguan. São 4.268 mm de comprimento e uma distância entre eixos de 2.630 mm. São 1.811 mm de largura e 1.522 mm de altura

Embora tenha um design que mistura um SUV com um cupê esportivo, o T-Roc acabou abandonando o lado “família” dos SUVs ao sair de fábrica com um porta-malas de 284 L, sendo menor que o do Golf 1.4 TSi Highline: 313 L. O Tiguan Allspace 1.4 tem um porta-malas de 710 L.

O veículo será disponibilizado em duas versões. A versão mais simples é equipada com motor a gasolina 1.0 turbo de 115 cv e 20,39 mkgf, com câmbio de manual de seis marchas.

Enquanto isso, a outra vem com motor a gasolina 1.5 turbo de 150 cv e 25,49 mkgf, com câmbio automatizado de dupla embreagem e sete velocidades.

Capota, segurança e acessórios

Assim como o Golf e o Beetle Cabriolet, o T-Roc tem capota almofadada correndo em trilhos. A estrutura pode ser acionada enquanto o veículo está em movimento, desde que não ultrapasse os 30 km/h. Após o acionamento, demora nove segundos para concluir a ação, segundo a empresa.

Para a segurança dos usuários, o T-Roc vem equipado com uma proteção contra capotamento que fica atrás dos bancos traseiros.

O sistema é acionado caso o veículo apresente uma velocidade lateral fora do normal, indicando que haverá capotamento. Quando isso acontece, a proteção salta ficando acima da cabeça dos usuários e espera o impacto.

O cabriolet ainda promete ficar o tempo todo conectado. O SUV terá uma nova central de entretenimento disponível com acesso à internet.

Tudo isso ficará disponível em uma tela de até oito polegadas. O T-Roc conversível manteve o painel digital já oferecido como opcional do Golf GTI nacional.

O comprador terá disponível, além da linha convencional, a esportiva: R-Line. Poderá ainda escolher entre rodas de 17? (padrão) ou 19? e as cores do interior, feito em couro.

Montadora quer que a nova geração do hatch seja referência em conectividade

A Volkswagen tem novos planos para o Golf. De acordo com fontes do Automotive News Europe, a montadora pretende começar a produção em setembro e apresentar a oitava geração do seu icônico hatch médio em outubro.

Os projetos da Volkswagen para o novo Golf passaram por algumas idas e vindas. A ideia original era mostrá-lo no Salão do Automóvel em Frankfurt, que tradicionalmente acontece em setembro. Mas o plano foi deixado de lado para que o foco do evento seja o novo ID, primeiro modelo da linha de veículos totalmente elétricos. Posteriormente, falhas eletrônicas teriam feito com o que seu lançamento fosse adiado para fevereiro, o que foi negado.

A intenção da Volkswagen é que a nova geração do hatch seja referência na indústria quando se trata de conectividade do painel — o que envolve muitas linhas de código, o trabalho de dezenas programadores e diversos bugs no sistema.

Dentre as facilitações prometidas está um app que permite que o motorista destranque as portas com uma chave digital, acionada via celular.

 

Últimas unidades do Golf atual são negociadas com descontos que variam de R$ 10 mil a R$ 20 mil

A tão aguardada reestilização do Volkswagen Golf chegará às lojas no mês que vem com um belo upgrade de tecnologia. Mas, enquanto o facelift não começa a ser comercializado por aqui, as últimas unidades do modelo atual estão sendo negociadas nas lojas com descontos de até R$ 20 mil. Para quem sempre namorou o hatch, agora pode ser a chance de levar um para a garagem.

Os descontos mais generosos estão sendo oferecidos para o Golf GTI,  a única versão a contar com motor 2.0 turbo de 220 cv combinado ao ligeiro câmbio automático DSG de dupla embreagem e seis marchas. Em uma concessionária de São Paulo, o Golf GTI sem pacote adicional pode ser encontrado por R$ 114 mil, valor quase R$ 21 mil menor que o de tabela, que hoje é de R$ 134.870.

Outra revenda  da cidade está ofertando o hatch por R$ 133.900, mas ele já vem equipado com o pacote Exclusive, que adiciona ACC (controle automático de distância e velocidade com limitador de velocidade), faróis bixenônio inteligentes com luz diurna de LED, seletor de modos de condução e sistema de monitoramento frontal e freio de emergência automático para trânsito. Com esse kit, o preço de tabela do carro seria R$ 152.825. Ou seja, o desconto é de R$ 19 mil.

Segundos os lojistas, a configuração de entrada versão de entrada Comfortline já não existe mais nos estoques, mas ainda há algumas unidades daversão Highline, a mais completa com motor 1.4 turbo de 150 cv. Os descontos, nesse caso são menores, mas ainda consideráveis. Em três das lojas consultadas na capital paulistana, o desconto pode chegar a R$ 10 mil. Sugerido por R$ 116 mil, é possível encontrar o modelo equipado com pacote Elegance (com sistema de acesso ao veículo sem o uso da chave e botão para partida do motor, seletor com modos de condução, rodas de 17 polegadas) por R$ 106 mil.

Novo golf 1.0 TSI

foto-imagem-volkswagen-golf-bluemotionA Volkswagen apresentou uma nova versão do Golf para o mercado europeu: a TSI Bluemotion. Orientado para a eficiência no consumo de combustível, o modelo vem equipado com motor 1.0 turbo de três cilindros.O bloco, movido a gasolina, oferece 115 cavalos de potência e 20,4 mkgf de torque. Duas opções de transmissão estão disponíveis: manual de seis marchas e DSG de sete marchas. Em ambos os casos, a médio de consumo de combustível do Golf Bluemotion fica em 23,25 km/l.

Em termos de performance, o modelo acelera de 0 a 100 km/h em 9,7 segundos, alcançando a velocidade máxima de 204 km/h. Além disso, o nível de emissão de dióxido de carbono (CO2) é de 99 g/km, o que, de acordo com a Volkswagen, faz dele o menos poluente da categoria.

Por 20.450 euros iniciais, o Golf Bluemotion traz os seguintes itens de série: ar-condicionado, sistema start-stop, bloqueio eletrônico do diferencial, sistema de frenagem pós-colisão, spoiler traseiro integrado e na mesma cor da carroceria e rodas de liga-leve de 15 polegadas.

foto-imagem-volkswagen-golf-bluemotion

foto-imagem-volkswagen-golf-bluemotion

Com 265 cv e visual agressivo, Golf GTI Clubsport será apresentado oficialmente na semana que vem

foto-imagem-vw-golf-gti-clubsportA Volkswagen divulgou nesta sexta-feira (8) imagens de uma edição especial do Golf GTI, que deve ser completamente apresentada na semana que vem. Batizada de Clubsport, a configuração é equipada com motor 2.0 turbo de quatro cilindros com 265 cv e ficará posicionada entre o Golf GTI Performance, que tem 35 cv a menos e o apimentado, Golf R, com 35 cv a mais.

De acordo com a marca alemã, o visual do modelo de produção será próximo ao do veículo conceitual. Segundo publicado pela imprensa local, o veículo será fabricado em 2016 em comemoração o aniversário de 40 anos do hatch médio, e vendido na Europa. O preço será equivalente a cerca de R$ 113 mil na cotação atual. Além dele, o Golf R400 também é esperado para o ano que vem no velho continente.

O Golf GTI Clubsport também contaria com a função “boost”, ou impulso, que fornece uma dose extra de torque em períodos curtos de tempo. Além desses diferenciais técnicos, o modelo ganhou um para choques dianteiro mais agressivo, com novas entradas de ar, além de rodas maiores e um spoiler traseiro avantajado.

foto-imagem-vw-golf-gti-clubsport

Volkswagen apresenta Golf versão R, com motor 2.0 turbo ajustado para 300 cv e tração integral

foto-imagem-volkswagen-r-variant

A Volkswagen anunciou que mostrará a versão R do Golf Variant no Salão de Los Angeles. De acordo com a montadora, a perua será equipada com motor mesmo motor do Golf R. Trata-se de um EA888 2.0 turbo, o mesmo usado pelo GTI, só que com 300 cv de potência e 38,71 kgfm de torque. Além disso, dispensa a tração dianteira do GTI para adotar a integral 4MOTION. A transmissão é automática DSG de seis velocidades e dupla embreagem. O Golf Variant deve chegar ao Brasil em 2015, porém na bem mais mansa versão R-Line com motor 1.4 turbo de 150 cv e DSG de sete marchas.

A marca alemã afirma que a perua é capaz de ir a 80 km/h em 3,8 segundos e aos 100 km/h em 5,1 segundos, com velocidade máxima limitada a 250 km/h.

Assim como no hatch médio, o Golf R Variant recebeu uma suspensão esportiva 2 cm mais baixa do que o convencional e um sistema de controle de estabilidade esportivo (ESC Sport), que pode ser desativado quando a perua for para a pista. Segundo a Volkswagen, o modelo terá ainda um sistema de amortecimento adaptativo que pode ser configurado no modo Race.

foto-imagem-volkswagen-r-variant

Por fora, o modelo recebeu insginia R nos para-choques dianteiro e traseiro, saídas duplas de escapamentos, estradas de ar aumentadas, faróis de bi-xenôn com luzes diurnas de LED, entre outros. Por dentro, ele tem bancos esportivos em couro e, mesmo com cinco ocupantes a bordo, é capaz de abrigar 605 litros de bagagem.

foto-imagem-volkswagen-r-variant

foto-imagem-volkswagen-r-variant

Esportivo Golf R 400 de 420 cv será lançado no Salão de Frankfurt

golf-r-400-1O Golf R 400 deve entrar em produção já a partir de 2015. Segundo a Car Magazine, o hatch terá características baseadas no conceito apresentado no último Salão de Pequim,, mas com alguns ajustes de aerodinâmica.

Dentre outras adaptações está a inclusão da tração integral e do limitador eletrônico de velocidade. Enquanto que o motor de quatro cilindros deve oferecer 420 cv e 45,89 mkgf de torque.

golf-r-400-2Com uma aparência esportiva, o Golf R 400 traz grade frontal “saltadas”, faróis de LED acompanhados de uma fina faixa amarela. A cor também é marcante no contorno dos bancos em fibra de carbono e couro Alcantara, no revestimento interno, no volante e nas pinças de freios.

A apresentação oficial do Golf R 400 está prevista para o Salão de Frankfurt, Alemanha, e o preço estimado é de 50 mil euros.

golf-r-400-3

Em 37 anos, o Golf GTi dobrou a cavalaria e trocou o câmbio manual pelo de dupla embreagem. Já o charme continua o mesmo

foto-imagem-golf

Em 1976, a Volkswagen lançou na Europa a versão apimentada do Golf, que até então era um hatch com apenas dois anos de história. Digamos que o modelo não estreou na Alemanha, mas na Alemanha Ocidental. Eram tempos de Guerra Fria e uma fronteira de 1.382 km dividia o lado capitalista (ocidental) do socialista (oriental).

O primeiro Golf GTI levaria 7,5 horas para percorrer a divisa de ponta a ponta, em sua velocidade máxima. O atual, demoraria 5,6 horas para cumprir o feito nas mesmas condições. Aceleramos ambas as versões no circuito alemão de Ehra-Lessien, criado na época do conflito geopolítico, e pudemos constatar que não são apenas essas duas horas que separam as gerações do hatch nervoso. Em um intervalo de 37 anos, o modelo ganhou 110 cv de potência, 396 cm³ de cilindrada e 21,5 kgfm de torque. Assim, nos anos 1970, o primeiro Golf GTI ia de 0 a 100 km/h em 10 segundos. Hoje, a sétima geração leva apenas 6,5 s para chegar à marca.

Golf GTI 1 Golf GTI 7
1976 Data de lançamento 2012
1.6, quatro cilindros Motor 2.0, quatro cilindros
110 cv a 6.100 rotações Potência 220 cv de 4.500 a 6.200 rotações
14,2 kgfm a 5 mim rotações Torque 35,7 kgfm de 1.500 a 4.400 rotações
Manual de quatro marchas, tração dianteira Câmbio Manual de seis marchas, tração dianteira
182 km/h Velocidade máxima 250 km/h
Equivalente a R$ 21.609 em valores não corrigidos Preço Equivalente a R$ 87.510

doto-imgem-golf-gti

Qundo assunto é segurança, a distância parece de séculos. Evidente que sistemas como controle eletrônico de estabilidade, airbags e freios ABS não estão presentes na primeira versão do hot hatch alemão. Mas espere uma situação mais austera. Nos bancos de trás, não há cintos de segurança. Hoje, soa absurdo.

O primeiro Golf GTI não tem a empunhadura robusta do atual, mas sim aquele volante que lembra o clássico Gol dos anos 1980. Derivado da plataforma MK I de 1974, ele trabalha em rotações elevadas. Sua potência máxima, por exemplo, chega aos 6.100 rpm. Na última geração, a fúria do hatch aparece a partir das 4.500 rotações, e com o dobro de potência. Vale lembrar que aceleramos a versão equipada com câmbio manual de seis marchas, que não é oferecida no mercado nacional, onde o modelo foi lançado em setembro de 2013. Em tempo, dá para dizer que, na dinâmica, eles são quase irreconhecíveis.

A não ser pela carroceria duas portas, o Golf GTI não nega sua identidade. O clássico e charmoso estofado xadrez Clark, a manopla em forma de bolinha de Golf, os detalhes vermelhos nos para-choques, e a coluna C proeminente criada pelo italiano Giorgio Giugiaro continuam lá. Quem te viu, e quem te vê.

foto-imgem-volkswagen-golf

foto-imgem-volkswagen-golf-gti

Volkswagen apresenta Golf Sportsvan

VW-Golf-Sportsvan-7-620x413

Recentemente, a Volkswagen divulgou todos os detalhes e uma galeria de fotos da versão de produção do Golf Sportsvan, que havia sido apresentado como conceito no Salão de Frankfurt no ano passado. Baseado na nova plataforma MQB, o MPV de cinco lugares substitui o antigo Golf Plus e estará disponível na Europa em breve.

Com uma ampla gama de motores a gasolina, em versões de 85 cv, 110 cv, 125 cv e 150 cv, e diesel de 110 ou 150 cv, o Sportsvan trará tecnologias como monitoramento de pontos cegos, bancos com ajuste longitudinal e sistema de frenagem de emergência. O preço inicial na Alemanha será de 19.625 euros (R$ 59,8 mil).

VW lança Golf R 400

foto-imagem-golf-r-400-1O diretor de pesquisa e desenvolvimento da Volkswagen, Heinz-Jakob Neusser, confirmou a intenção de produzir o Golf R 400. A informação foi revelada pela imprensa norte-americana presente no Salão de Pequim, onde o carro-conceito foi apresentado.

O carro-conceito é uma das grandes atrações do evento chinês. Baseado no Golf R, o protótipo tem o mesmo motor 2.0 turbo, mas preparado para entregar 400 cv e torque máximo de 45,9 mkgf. Equipado com uma transmissão automática de seis marchas com dupla embreagem, ele acelera de 0 a 100 km/h em 3,8 segundos, atingindo a velocidade máxima de 280 km/h.