Arquivo da categoria: L200 Triton

Fiat lança Modelo Fullback, picape média baseada na Mitsubishi L200 Triton vendido apenas no Oriente Médio e alguns mercados europeus

foto-imagem-fiat-fullback

Parece que a Fiat tomou gosto pelas picapes. Depois de oficializar o lançamento da Toro para o começo de 2016, a marca apresentou nesta terça-feira, 10 de novembro, a Fullback, sua primeira picape média para as regiões da Europa, África e Oriente Médio.

Essencialmente uma Mitsubishi L200 Triton com logotipos Fiat, a Fullback é fruto de uma parceria firmada em 2014 para produção da picape em conjunto com a Fiat-Chrysler na Tailândia. Na ocasião, a Mitsubishi afirmou que o veículo poderia ser vendido com o emblema Fiat em mercados como Ásia, Europa, África e América Latina. Alguns dias depois, porém, a MMCB, representante local da Mitsubishi no Brasil, divulgou um comunicado oficial informando que as medidas “não contemplam o mercado brasileiro, no qual a MMCB possui fábrica, direito exclusivo de comercialização e distribuição”, descartando, assim, sua possível comercialização no mercado brasileiro.

foto-imagem-fiat-fullback

A Fullback será equipada com duas versões do motor 2.4 turbodiesel, entregando 150 ou 180 cv, e podendo vir com transmissão manual de seis marchas ou automática de cinco velocidades, ambas com tração nas quatro rodas.

A nós, resta esperar pela Toro. A picape média será construída sob a plataforma do Renegade, embora seja inteiramente nova da coluna central para trás. Com comprimento de aproximadamente 4,9 metros, ela terá as mesmas opções de motorização do SUV da Jeep (embora o 1.8 flex seja modificado para entregar melhor desempenho) e capacidade de carga para uma tonelada.

Proprietários do modelo Mitsubishi L200 Triton reclamam de trepidação excessiva ao passar de 50 km/h

foto-imagem-carro-L200

Não é tão raro assim encontrar um veículo bem rodado que começa a trepidar ou vibrar em velocidades acima dos 100 ou 120 km/h. Mas causa muita surpresa quando o mesmo acontece num modelo novo e que esteja trafegando a míseros 50 km/h. É a situação de alguns proprietários da Mitsubishi L200 e L200 Triton até a linha 2012.

Dono de uma L200 Triton 2011, o empresário Basílio Monteverde Netto, de Linhares (ES), diz que logo na primeira semana foi viajar por uma estrada de terra. “Eu não podia passar de 40 ou 60 km/h, pois o carro trepidava tanto que ficava incontrolável. Chegava a jogar a traseira para os lados. Se aumentasse a velocidade, a picape rodava na pista”, diz. Ele conta que a concessionária afirmou ser normal esse comportamento, até que instalou dois amortecedores traseiros da linha 2013 (kit número CAPA0563). “Aí o problema foi resolvido.”

Por causa dessa trepidação, alguns donos acabam deixando a picape de lado e enfrentam as estradas de terra em automóveis de passeio, como relata o produtor rural Paulo Roberto Bobbio de Castro, de Sooretama (ES). “Se eu passar dos 50 km/h por hora na estrada de terra, não consigo dirigir, mesmo com a tração ligada. Já tentei tudo, mas nada resolve. Para evitar isso, viajo com um Toyota Corolla ou Mercedes C 180”, diz o dono de uma Triton HPE 2011.

Às vezes, até no asfalto lisinho a picape tem problema para se manter na linha. “Meu carro não tem estabilidade nenhuma, nem na rodovia”, diz o empresário Carlos Alberto de Souza, de Maricá (RJ). “Já fui mais de 20 vezes à autorizada. Minha L200 fica de dez a 20 dias na oficina e o defeito volta.”

O técnico Geovani Neves, do Centro Automotivo Varga, em Linhares (ES), já atendeu dois modelos com o mesmo problema e diz que a falha estaria nos amortecedores. “Eles são subdimensionados. Por isso, a linha 2013 ganhou uma nova suspensão e amortecedores de curso mais longo.”


O POVO RECLAMA

“O defeito aparece principalmente no asfalto, quando todo o carro trepida. Levei mais de dez vezes à concessionária e até agora nada.” – Marcos Vinícius Jurca, São Joaquim da Barra (SP), autônomo, dono de L200 Triton 2011

“Se eu passar dos 60 km/h, o carro fica impossível de dirigir, ainda mais em estradas de terra e no asfalto irregular.” – Clemir Prestes, Linhares (ES), empresário, dono de L200 Triton 2010

RESPOSTA

Mitsubishi, dos casos analisados pela empresa, dois foram resolvidos, um aguardava o agendamento
numa autorizada e um proprietário desistiu de fazer a reclamação.

Recall de L200 Triton

Parafuso frouxo na suspensão dianteira pode ocasionar acidente em casos extremos

A Mitsubishi convoca os proprietários do L200 Triton a partir de hoje para mais dos vários recalls que tem sido anunciados por outros fabricantes. O problema está em um parafuso frouxo na suspensão dianteira do carro. Segundo a montadora, além de um ruído metálico, em casos mais extremos, a falha pode atrapalhar na condução do veículo, podendo haver até mesmo uma colisão.

Se o problema for detectado, os parafusos de fixação do pivô da peça podem perder o torque e, dessa forma, a montadora fará uma verificação e, se necessário, poderá trocar a peça. Os veículos envolvidos estão na série em ordem não seqüencial 00001 a 15347. Para mais informações, acesse o site da Mitsubishi ou ligue para 0800 702 0404.

Fonte: AutoEsporte