Arquivo da categoria: Engenharia de Tráfego

Google testa carro sem motorista nas ruas da Califórnia

Testes com carro da Google já cobriram 225 mil quilômetros.

Engenheiros do Google testaram um carro que dirige sozinho nas ruas da Califórnia, segundo anunciou a companhia em seu blog.

O carros usa câmeras de vídeo montadas no teto, sensores de radar e uma mira a laser para enxergar outros carros e obstáculos no trânsito, segundo o engenheiro de software Sebastian Thrun.

Um motorista treinado acompanhou os testes dentro do carro para tomar o controle em caso de alguma falha. A Google espera que os carros possam eventualmente reduzir os congestionamentos e o número de acidentes nas ruas.

Batida por trás
Em um comunicado postado no blog oficial da companhia, Thrun disse que os testes com o carro que se auto-dirige já cobriu 225 mil quilômetros.

O carro cruzou a icônica ponte Golden Gate, em San Francisco, andou pelas famosas ladeiras da cidade, se dirigiu entre escritórios da Google e circulou em volta do lago Tahoe, sem sofrer acidentes.

Os engenheiros responsáveis pelo projeto disseram ao jornal The New York Times que o único incidente ocorrido durante os testes foi uma batida por trás sofrida quando o carro estava parado em um semáforo.

Em seu post no blog, Thrun, que é professor de ciências da computação e engenharia eletrônica na Universidade Stanford, afirmou que a segurança é “a principal prioridade” do projeto.

As rotas são pré-planejadas, mapeadas por motoristas reais, e a polícia local é avisada com antecedência sobre os testes.

Transporte do futuro
Thrun cita os números da Organização Mundial da Saúde, que mostram que mais de 1,2 milhão de pessoas morrem anualmente em acidentes de trânsito, para dizer que esses números podem e devem ser reduzidos.

“Acreditamos que nossa tecnologia tem o potencial para reduzir esse número, talvez em até metade disso”, afirma Thrun. “Este projeto ainda está em um estágio experimental, mas dá uma ideia de como o transporte pode parecer no futuro, graças aos avanços das ciências da computação”, diz.

Nos últimos tempos, a Google vem se aventurando cada vez mais em novos negócios à parte de seu serviço principal de buscas na internet.

Fonte: G1

China irá testar ônibus que permite que carros passem por baixo

Veículo se deslocará sobre trilhos para reduzir engarrafamentos em Pequim.
Transporte funcionará com motor elétrico e pode levar até 1.400 pessoas.

Uma linha de “ônibus aéreo” que se deslocará sobre trilhos em duas faixas de trânsito será testada em Pequim para reduzir os congestionamentos na cidade, afirmou à agência de notícias France Presse o inventor do transporte público que pretende revolucionar o tráfego na capital chinesa.

O chamado ‘super bus‘ não ocupa espaço na rua e permite que os carros passem por baixo.”Começaremos a construir os trilhos no fim do ano para uma linha experimental de seis quilômetros”, disse Song Yuzhu, diretor geral da empresa Shenzhen Hashi Future Parking Equipment.

Os trilhos serão colocados sobre uma via em uma área do subúrbio na zona oeste de Pequim. “A partir do segundo semestre de 2011, pretendemos fazer o ônibus funcionar com passageiros”, explicou Song. Depois de um ano de testes, as autoridades devem decidir sobre o uso em maior escala deste novo meio de transporte que tem capacidade para até 1.400 pessoas.

O “ônibus aéreo” será um veículo limpo, que funcionará com energia elétrica, e em parte solar. Apesar da criação deste tipo de transporte ser mais barata que a construção de uma linha de metrô, requer um planejamento especial, como pontos de ônibus elevados e uma sinalização particular.

Segundo os inventores, o ‘ônibus aéreo’ pode reduzir os engarrafamentos em 30%, já que em Pequim poderão ser construídas até 180 km de vias para esse tipo de veículo.

Fonte: G1