Google

Recall Dodge Journey vendidos no Brasil

Data: março 30, 2011
Opiniões
Deixe a sua!

Problema nos freios afeta modelos fabricados em 2009 e 2010 importados do México

A Chrysler do Brasil anuncia o recall do crossover Dodge Journey fabricados em 2009 e 2010 para a substituição gratuita dos discos e pastilhas de freios dianteiros e traseiros.

Segundo a montadora, os freios podem apresentar pulsação ou vibração excessiva que, em casos extremos, prejudicariam a eficiência do sistema – expondo o carro a risco de acidentes.

A medida envolve 1.626 veículos vendidos no Brasil. A convocação dos proprietários será feita por meio de correspondência direta, além de informes publicitários.

A Chrysler estima que o tempo de serviço é de três horas. O reparo deve ser agendado pelo telefone (0800 703 7140) ou pelo site www.dodge.com.br.

Fonte: R7

1 comnetário Comente

  1. Sou dono de uma Journey e também fui entrevistado pela Quatro Rodas em relação a matéria que saiu em maio/2.013, falando sobre os freios da Journey e Freemont. Na época da publicação da matéria a Chrysler já tinha feito acordo comigo, eles me indenizaram e ainda trocaram minha Journey 2.010 por outra 2.012/2.013, a equipe técnica me convenceu que o problema fazia parte do passado. Hoje, a nova Journey com 9.000 K já passou por duas trocas de discos dianteiros e varias pastilhas, a ultima substituição de disco ocorreu com apenas 1.500 K de diferença uma da outra, mandei fazer laudos técnicos e todos foram reprovados. Em pesquisas na internet e também por meio de um amigo, localizei três acidentes com vitima fatal, apenas um tem a conclusão pericial onde aponta a provável causa do acidente os freios como causador. Fico abismado como as coisas procedem no nosso Brasil, não sei se vocês se lembram do ultimo problema envolvendo o COROLA, pelo fato dos tapetes agarrarem no pedal de freios, o fabricante foi proibido de comercializar o modelo até que solucionasse o problema, assim foi feito e resolvido, porém, poucas pessoas sabem que o primeiro a passar por este problema e abraçar a causa foi um renomado Deputado, ainda não sei o nome, mas segundo um amigo ele deu uma palestra em uma Faculdade de Belo Horizonte – MG e divulgou a autoria de sua participação na suspenção da venda do Corola. Será que vamos ter que investigar se tem um deputado que tenha uma Jorney ou uma Freemont, para que assim possamos ser ajudados a resolver este problema. Encarecidamente eu venho pedir a todos, mandem este relato para o máximo de pessoas, vocês estariam ajudando salvar vidas e impedindo a distribuição de lixo em nosso Brasil. O povo Brasileiro já é muito sofrido para ter que aturar humilhações deste tipo. Obrigado e conto com todos.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.