Mau cheiro, acúmulo de resíduos e perda de eficiência são sinais de que o ar-condicionado do seu carro pode estar clamando por uma atenção especial

Written on:Março 9, 2018
Comments
Add One

Você entra no carro e sai para a sua jornada diária, quando de repente começa a sentir um odor vindo dos dutos de ventilação. Ih, sujou! Uma das principais causas do mau cheiro no ar-condicionado é a formação de colônias de bactérias e fungos que se instalam nos evaporadores e dutos, onde há calor e umidade. O acúmulo de folhas e dejetos nos filtros e entradas da ventilação também podem causar odores ruins, explica Leandro Vanni, engenheiro e gerente do Centro de Tecnologia, Treinamento e Inovação do Grupo DPaschoal.

“Muitos motoristas ainda desconhecem que, além dos filtros tradicionais, como o de ar do motor, de óleo e de combustível, os veículos têm o filtro de ar de cabine. Os desavisados retardam sua troca, e o componente fica impregnado de sujeira e até folhas”, afirma Vanni. “Uma dica legal é sempre que possível, antes de desligar o veículo, deixar apenas a ventilação ligada por alguns segundos, para reduzir a umidade nos dutos.”

A solução é similar à dada por Francisco Satkunas, engenheiro mecânico e conselheiro da SAE Brasil – Sociedade dos Engenheiros da Mobilidade. “Ligar o ar quente por alguns minutos vai fazer a água que estava em algum canto da tubulação evaporar. É um cheiro desagradável, o carro fica parado, há uma condensação, e quando o ar começa a passar pela tubulação, vem o odor.”

Outra prática indicada pelos engenheiros é fazer a higienização do sistema. Joga-se um spray nebulizador que circula dentro dos tubos e elimina os odores. Alguns também possuem efeito bactericida, mas Leandro Vanni ressalta que “é importante procurar por produtos certificados pela Anvisa e com eficiência comprovada na eliminação de fungos, ácaros e bactérias”. Caso contrário, não há garantia de ar limpo na cabine.

Olha o gás

Tão ruim quanto o odor é a sensação de que o ar-condicionado não está resfriando a cabine. Essa perda de eficiência na refrigeração pode ter várias causas. Segundo Leandro Vanni, a mais comum é a perda do gás refrigerante. “Contudo, o problema pode ser ainda mais simples: filtros impregnados de sujeira reduzem a passagem de ar, diminuindo a eficiência.”

Para Satkunas, “a recarga (do gás) só deve ser feita quando necessário, se o motorista sentir que o ar-condicionado não está gelando como antes”. Nesse caso, o engenheiro da SAE Brasil recomenda verificar se não há vazamento. “Há muitas conexões no sistema, e quando há vazão de gás, perde-se rapidamente a eficiência”, pontua.

À prova de bactérias

Um recurso ainda raro nos carros, mas que começa a se difundir, é o ionizador de ar, tecnologia já empregada em hospitais, hotéis e edifícios empresariais.    O sistema utiliza uma lâmpada de raios ultravioleta que funciona como uma espécie de catalisador, eliminando bactérias, gases tóxicos, fungos e vírus. “É uma lâmpada grande, muito usada em hospitais, mas para os carros foi feita uma lâmpada especial”, comenta Satkunas.

O Mitsubishi Pajero Full é um dos poucos modelos no Brasil que oferecem um sistema de purificação do ar da cabine, batizado de AutoPure. A tecnologia foi desenvolvida pela Nasa com o objetivo de limpar o ar e evitar contaminação entre os astronautas, e a empresa brasileira Silux desenvolveu a aplicação do sistema para carros. A promessa é de redução de até 99% dos agentes contaminantes. O sistema também promete neutralizar odores.

“O automóvel é um ponto de encontro, de socialização. Você entra em um táxi e não sabe quem estava ali dentro. É como o manobrista do estacionamento do hospital, ele manobra os carros de quem está doente, então, nunca se sabe na mão de quem passou. O ar viciado é o grande transmissor de doenças. Se todo veículo tivesse isso, seria mais saudável pegar um táxi ou ônibus”, resume o engenheiro da SAE Brasil.

Volkswagen segue realizando mudanças na gama e tira de linha as opções mais caras dos veteranos

Written on:Março 6, 2018

A Volkswagen segue reposicionando os seus modelos mais antigos após as chegadas dos lançamentos. Desta vez, a marca deixou de oferecer as versões mais caras do Gol e do Voyage. O motivo são os novos Polo e Virtus, que passaram a ter preços próximos aos veteranos. O hatch, após receber o primeiro aumento desde o lançamento, é oferecido entre R$ 49.990 e R$ 71.760. Já o sedã, mais caro, custa desde R$…

Read more...

Nova geração já está em testes no Brasil e chega ainda em 2018; modelo anterior permanecerá à venda

Written on:Março 2, 2018

A Hyundai apresentou a terceira geração do Santa Fe na Coreia do Sul, onde o SUV começa a ser vendido nas próximas semanas. Mas não precisa ficar ansioso, pois o modelo está em testes no Brasil desde antes de sua apresentação oficial. Tem até um toque de Brasil na estratégia de lançamento na Coreia. Por aqui, onde você pode encontrar as três gerações do Tucson (Tucson, Ix35, New Tucson) nas lojas, os sul-coreanos…

Read more...

Inédito SUV da Lamborghini desembarca no Brasil no segundo semestre de 2018; O modelo já pode ser encomendado tanto na revendedora oficial da marca no país quanto em uma importadora independente

Written on:Fevereiro 25, 2018

O Lamborghini Urus já está a caminho do Brasil. Os interessados em ter esse SUV esportivo cheio de tecnologia e com 650 cv já podem encomendar o modelo, que pode custar mais de R$ 1,7 milhão. Essa cifra pomposa – R$ 1,7 milhão – é o valor sugerido por uma importadora independente em São Paulo, que já recebeu a primeira encomenda para o carro. Mas esse valor pode até ser maior. O modelo também…

Read more...

GM – General Motors: Apesar dos lançamentos, previstos para chegarem às lojas entre 2020 e 2021, boa parte dos modelos atuais deverão continuar disponíveis

Written on:Fevereiro 22, 2018

Após anunciar o investimento de R$ 1,9 bilhão em sua fábrica de motores em Joinville (SC) e 1,4 bilhão em Gravataí (RS), a GM agora afirma que também vai modernizar a unidade produtiva de São Caetano do Sul, em São Paulo. Com o aporte R$ 1,2 bilhão, a capacidade deverá aumentar de 250 mil veículos por ano para 330 mil. Mas não só isso. Novos projetos também deverão sair da linha de montagem, que…

Read more...

VW Saveiro e Fox com problemas em consumo

Written on:Fevereiro 16, 2018

Já imaginou descobrir que o nível do óleo do seu automóvel baixa constantemente depois de rodar 2.000 km ou menos? Esse é o drama vivido por proprietários de modelos da Volkswagem com o motor MSI 1.6 16V, lançado em agosto de 2015 e que equipa Gol, Fox, Saveiro e o novo Polo. Entre os motores “beberrões” está o Fox Highline 2016 do empresário Thiago Resende, do Rio de Janeiro (RJ). “O…

Read more...

Apesar do gasto contábil, grupo obteve lucro

Written on:Fevereiro 8, 2018

A General Motors fechou o quarto trimestre no vermelho, devido a US$ 7,3 bilhões de gastos ligados à recente reforma tributária dos Estados Unidos, que forçou uma revisão de sua contabilidade. O prejuízo líquido atingiu US$ 5,2 bilhões, contra um lucro líquido de US$ 1,8 bilhão no mesmo período de 2016. Excluindo esse gasto contábil, a maior fabricante de automóveis americana teve um lucro de US$ 1,9 bilhão – de acordo com a empresa,…

Read more...

Motor 2.5 de cinco cilindros foi remapeado para chegar aos 400 cv – e vai de 0 a 100 km/h em 3,7 s

Written on:Fevereiro 2, 2018

Fãs de esportivos alemães ganharam mais uma alternativa para rechear a garagem. A Audi lançou nesta quinta (01) no Brasil o novo TT RS. O cupê superesportivo adota a plataforma modular e o trem de força do novo RS 3, mas custa quase R$ 100 mil a mais. O TT RS tem preço sugerido de R$ 424.990, em versão única. Seu 2.5 de cinco cilindros gera 400 cv, moderados por um…

Read more...

É o preço que se paga para colocar os cabelos ao vento a bordo do Classe E

Written on:Janeiro 29, 2018

Quem quiser colocar os cabelos ao vento a bordo de um Mercedes Classe E Cabriolet no Brasil terá que desembolsar R$ 414 mil. É o preço que se paga para levar o conversível renovado para casa. A Cabriolet é a última variante do Classe E que faltava ser renovada no nosso país e a Mercedes anunciou o início das vendas nesta semana. O conversível de quatro lugares tem motor 2.0 turbo de 245 cv a…

Read more...

A mais recente aposta da marca alemã não sairá barata para quem quiser ter o novo SUV mais irado das estradas para chamar de seu

Written on:Janeiro 23, 2018

Se você ficou com água na boca para ter um novo Audi SQ5 para chamar de seu, a espera espera finalmente acabou. Mas como já havíamos adiantado em nossa avaliação do mais novo SUV esportivo da marca alemã na edição de dezembro de 2017 da Revista Autoesporte, pode preparar seu bolso. Como previsto, o emblema “S” faria diferença em relação ao modelo anteror, e, assim, o sucessor do Audi Q5 chegou ao mercado…

Read more...