Google

IPI reduzido – Concessionários lotam no último fim de semana

Data: agosto 27, 2012
Opiniões
Deixe a sua!

O último fim de semana com Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) sobre carros foi de concessionárias cheias e muita gente em busca de um veículo novo e mais barato em São José dos Campos. Em algumas revendedoras, já há até falta de veículos.

A Veibrás, concessionária da General Motors (GM), teve movimento intenso nos dois dias em que promoveu um feirão para alavancar as vendas. Na sexta-feira (24) e no sábado (25), foram vendidos 120 veículos, sendo 90 zero quilômetro. “Apostamos em uma mídia forte aproveitando o último fim de semana da redução e deu certo. Foi o nosso melhor fim de semana do mês”, afirma a gerente de vendas Viviane Silveira. De acordo com ela, normalmente são vendidos 40 carros. “Comparando o período de antes, sem IPI, e agora, com a redução, tivemos um aumento nas vendas de 30 a 40%”, afirmou.

Na Veibrás, alguns modelos já estão faltando. Os carros de entrada, como Celta, Prisma e Ágile, ainda tem em estoque. Já veículos como S10, Cruze Sport e Spin estão em falta.

Já a Original Veículos, revenda Volkswagen, também afirmou que as vendas estão superando as expectativas. “Tivemos aumento de 20% neste fim de semana. Não foi nosso melhor, mas as vendas estão melhorando gradativamente conforme se aproxima o fim da redução”, explica Danilo Dalla, gerente da concessionária.

Os modelos de entrada do Fox e Gol G5 estão em falta. No fim de semana, a concessionária vendeu dez veículos, sem a realização de um feirão, apenas com maior divulgação na própria loja.”A gente torce para que o IPI reduzido continue porque com ele temos um aumento de 40% nas vendas”, afirma Dalla.

Na Itavema Fiat dois veículos também estão com fila de espera: Siena 1.6 e Novo Palio. No fim de semana, a concessionária vendeu 13 carros a mais do que o normal. “Cresceram não só as vendas, mas também o movimento de pessoas na loja. Sinto que o que o cliente precisava pesquisar, já pesquisou. Eles vêm para fechar negócio”, diz Marco Aurélio da Silva, gerente de vendas. Na loja, foram vendidos 23 carros neste fim de semana, enquanto o normal é dez carros.

Para o economista Guaraci Lima de Moraes, o momento para quem precisa de um carro é bom, mas mesmo assim é necessário aproveitar com cautela. “Não trocar de carro de maneira precipitada, apenas por conta da redução do imposto. É preciso de planejamento, programar a compra para não ter uma dívida que pode prejudicar o orçamento da família”, explica.

Fim do IPI

Representantes do Ministério da Fazenda devem se reunir nesta semana com fabricantes de veículos beneficiados pela redução do IPI para avaliar o repasse do corte do tributo aos consumidores, segundo apurou o G1. As informações colhidas nesses encontros vão servir de subsídio para o governo decidir se haverá ou não prorrogação da medida.

Na sexta-feira (24), o Ministério da Fazenda informou que ainda não há definição de uma possível prorrogação do benefício para esses setores. A redução do IPI foi anunciada em maio. De lá para cá, houve aumento significativo na venda de carros novos e redução dos estoques das montadoras, que já se preparam para elevar a produção em suas fábricas.

Há duas semanas, o vice-presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Luiz Moan, disse que o setor não espera a renovação do corte do IPI para carros. Na avaliação dele, o setor conseguirá manter em alta a venda de veículos mesmo sem o benefício.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.