Google

Carros conectados – Veículos da Mercedes ganham aplicativo para Facebook

Data: janeiro 11, 2012
Opiniões
Deixe a sua!

Mercedes Benz (Foto: Reprodução/Engadget)

Sistema de entretenimento dos carros terá aplicativo da rede social, que alertará quando amigos ou restaurantes favoritos estiverem próximos.

Depois dos smartphones e tablets, os carros. A maior rede social do mundo, o Facebook, chega aos veículos, e os primeiros a recebê-la são os da Mercedes-Benz. A empresa mostrou nesta terça-feira (10/02) durante a CES 2012 – a maior feira de tecnologia do mundo – como funcionará a sincronia.

O Facebook será só um dos aplicativos adicionados ao sistema de entretenimento Mbrace 2, que equipará os carros da linha SL, a serem lançados nos próximos meses nos Estados Unidos.

Segundo a agência de notícias Reuters, as funcionalidades do programa não serão as mesmas que as das versões para Android e iOS, por exemplo. Elas serão limitadas, mas voltadas às necessidades que motoristas podem ter, como a localização de residências de amigos ou locais de trabalho.

Para Dan Rose, vice-presidente de parceria e marketing da Mercedes, a chegada do Facebook aos veículos é um caminho lógico. Ele diz que, se as pessoas utilizam dispositivos GPS em seus percursos, gostarão de localizar seus amigos com a mesma facilidade.

Como a preocupação em relação a motoristas que utilizam smartphones enquanto dirigem tem crescido, a empresa acredita que, ao incorporar alguns dos recursos aos seus veículos, acidentes serão evitados. O aplicativo da rede social desenvolvido não suporta atividades que requerem a digitação de texto, justamente para não distrair o usuário.

É possível, porém, postar mensagens pré-escritas em seu perfil ou configurar a publicação automática de algumas, quando, por exemplo, você estiver a caminho de um lugar o próximo do destino. Haverá avisos quando o usuário estiver próximo a algum amigo ou a algum restaurante que tenha curtido na rede social.

No entanto, esqueça jogos como Farmville ou Mafia Wars. Aplicativos de terceiros não são compatíveis com a plataforma criada para os carros da Mercedes.

(John P. Mello Jr.)
Fonte: IDG Now 

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.